Captura de tela 2021-01-13 135305.png
Captura de tela 2021-01-13 140831.png
Captura de tela 2021-01-13 130447.png
Informe os serviços de preferência*

ENDODONTIA

° O QUE É?

° PROBLEMAS ENDODÔNTICOS (CANAL)?
° COMO RESOLVER?
° DÚVIDAS, MITOS E VERDADES?
° TRATAMENTOS REALIZADOS.

O QUE É?

Fazer um tratamento de canal certamente está entre as principais preocupações de quem tem medo de ir ao dentista. Isso acontece porque a endodontia, especialidade que cuida dessa questão, ainda causa muitas dúvidas na cabeça das pessoas. Certamente, você já ouviu falar que esse procedimento dói ou que é caro e ficou com alguma dúvida. Para responder às principais perguntas sobre esse tratamento, preparamos este guia completo. Confira!

A endodontia, popularmente conhecida como tratamento de canal, é a especialidade odontológica que tem a função de cuidar da saúde e prevenção de doenças que afetam a polpa (nervo) e a raiz do dente. 

PROBLEMAS ENDODÔNTICOS (CANAL)

O tratamento de canal é indicado principalmente para tratar dentes que sofreram danos causados por cáries em estágios avançados. As cáries produzem um ácido que danifica os dentes corroendo-os até atingir a polpa dentária, parte interna do dente, provocando muita dor e prejudicando a função mastigatória. Caso não tratada, a cárie pode acometer outros dentes da arcada, causar a perda de um ou mais componentes e pode até provocar uma infecção generalizada.

 

Esse tratamento também pode ser indicado em casos de fratura dental que deixam a polpa dentária exposta.

COMO RESOLVER?

Conhecer a fundo um tratamento odontológico certamente vai ajudar a diminuir o medo de realizá-los. Por isso, para você saber como acontece o procedimento, criamos este guia com todas as etapas do tratamento de canal. Vamos as etapas:

 

Acesso: Na primeira etapa, realiza-se uma abertura no dente para ter acesso aos canais e começar o tratamento. Esse processo é realizado com auxílio do famoso “motorzinho”, instrumento que assusta, mas na verdade é inofensivo. Todo o trabalho é realizado com o paciente anestesiado.

 

Remoção da polpa infeccionada: Na sequência, os canais são esvaziados, descontaminados, alargados e alisados, com uso de instrumentos rotatórios reciprocantes e com solução de irrigação para desinfetar toda a região.

Obturação dos canais: Para finalizar o processo, os canais são preenchidos permanentemente com um material específico biologicamente compatível, fazendo o que conhecemos como “selamento”.

 

Vale lembrar que o tratamento de canal evoluiu muito nos últimos anos graças a sofisticação dos equipamentos e o desenvolvimento de técnicas inovadoras que possibilitam a solução de muitos casos endodônticos em uma única sessão.

canal.jpg

DÚVIDAS, MITOS E VERDADES

Por conta da sua “reputação”, uma série de mitos transformaram o tratamento de canal num procedimento assustador. A gente te assegura: se você vai realizá-lo, não há com o que se preocupar. A Dental Santé vai abordar e desvendar os mitos que mais se ouve a respeito do tratamento:

O tratamento de canal dói?

Provavelmente o maior mito que existe ao redor desse tratamento diz respeito à dor. Se algum conhecido seu passou por ele, com certeza comentou sobre isso. Mas não precisa ficar em pânico: vamos esclarecer o porquê dessa relação. A dor é ocasionada pela infecção do dente e não pelo tratamento do canal. Quanto mais tempo o paciente demora na busca do tratamento, maior poderá ser a dor e os danos causados pela infecção. Mas, a partir do momento que o paciente está anestesiado, o tratamento é totalmente indolor.

O tratamento de canal escurece os dentes?

Verdade! Entretanto, existem alguns fatores que influenciam no escurecimento dos dentes. Dependendo da técnica utilizada e do estado da lesão no momento do tratamento, o dente pode acabar ficando com um aspecto manchado. Hoje, já existem diferentes opções de materiais e procedimentos para evitar que isso aconteça.

Só preciso de um tratamento de canal quando o dente doer?

Mito! Apesar da dor ser um sinal bem característico de que há um problema na polpa dentária, ela também pode indicar que o problema pode estar evoluindo para algo mais grave. Porém, existem casos onde há lesão e inflamação devido a infecção bacteriana que, de forma silenciosa e indolor, vai danificando o dente do paciente, que muitas vezes só se dá conta da existência do problema quando é surpreendido com pus ou inchaço no local adoecido.

TRATAMENTOS REALIZADOS

Para te mostrar como este tratamento pode melhorar diversos aspectos do seu sorriso, separamos alguns casos tratados aqui na Dental Santé mostrando o antes e depois dos pacientes que o realizaram.

Ao sentir incômodos ou dores é importante procurar ajuda odontológica para diagnosticar as causas e dar início ao tratamento mais adequado para sua situação. Entre em contato conosco através dos nossos telefones ou whatsapp e agende sua consulta. Venha cuidar da sua saúde bucal com o que há de melhor na odontologia aqui na Dental Santé.

9-7.jpg
678b20b7e76e3c81baa4f8c6ee1bc656.png